Semelhanças são meras coincidências

A produzir ofícios para autoridades, empresários e outros com o objetivo de angariar recursos financeiros através da comercialização de mídias publicitárias e apoios visando a proclamação de projeto educativo “Guia Legal-Comunicação para Acessibilidade”, que será veiculado em uma emissora local brevemente. 

Refletindo referente a personagens de homens e mulheres de destaque da capital do Piauí, me veio um insite, ou seja, o nome do excelentíssimo senhor Ismael Silva(PSD), vereador de Teresina esse jovem político é muito conhecido através de suas inserções nos veículos de comunicação de massa.

Às 9h da manhã dessa quinta-feira deixei minha residência no bairro Monte Castelo com destino a Câmara Municipal de Teresina no bairro Cabral, ao adentrar a casa do povo teresinense fui recepcionado por uma servidora que de forma gentil me orientou como chegar ao gabinete do parlamentar, toquei três vezes a porta, movimentei a maçaneta e adentrei ao recinto com a saudação de praxe, imediatamente fui correspondido e surpreendido com a expressão: Bom dia, seja bem-vindo, o que o senhor deseja? Imaginando se tratar de um atendente declarei: Quero agendar audiência com o vereador, ele respondeu está falando com ele. Trocamos breves palavras, gentilezas e simultâneos elogios, fui convidado a ir ao gabinete iniciando um diálogo profícuo, produtivo e construtivo. Falei da minha infância pobre, filho de uma zeladora da extinta escola normal Antonino Freire, quando da infância a minha pré-adolescência tive ao alcance das minhas mãos o carinho diário do professor Olímpio, professor Joca, professor Afrânio Nunes e professor Clementino, que muito ajudaram minha mãe, consequentemente aos seus quatro filhos, fato incontestável é o lugar que ocupamos no seio da sociedade.

Chegamos a um denominador comum, nossas histórias são semelhantes, no decorrer do nosso diálogo o vereador tomou conhecimento das minhas inquietações, angústias, derrotas, injustiças e o trabalho dos antagonistas de forma constante com a tentativa de prejudicar, embargar e atrapalhar o trabalho que desenvolvo, por invejosos, ciumentos, fracassados e outros. Acessando um notebook o vereador se informou das pautas publicadas neste veículo.

Certo momento ele de forma educada, inteligente, simples e humilde me alertou que tinha apenas 30 anos de idade, em virtude que o diálogo manifestado por mim é como se tivesse interagindo com um contemporâneo de minha faixa etária, 71 anos, foi momento de descontração e muito sorrisos, retomamos a conversa e verifiquei que o jovem parlamentar desponta com uma força imensa, gigantesca, muita garra, coragem, liberdade e independência para começar a transformar o Brasil a partir da Câmara Municipal de Teresina, esse é o tipo de cidadão que o Brasil necessita com urgência para alavancar o progresso da nação e extirpar de uma vez por todas o câncer da fome, corrupção e os crimes que domina o país.

Pela primeira vez após 50 anos de vivência e convivência em gabinetes de autoridades e gestores públicos, representantes de governo, entidades e autarquias, tive o privilégio de encontrar no ato do exercício legal de sua atividade uma autoridade remunerada pelo contribuinte disponível de forma absoluta para ouvir pacientemente, entendendo ou buscando entender as razões e motivos dos pleitos solicitados.

Antes de me despedir confidenciei ao vereador que atos semelhantes só havia presenciado em 1967, quando Joel Loureiro, vereador com deficiencia visual, degustava um cafezinho na recepção do seu gabinete localizado na Praça Mal. Deodoro da Fonseca, situado entre o extinto Hotel Piauí e Igreja Nossa senhora do Amparo. Tenho convicção que poderes naturais extraordinários não concederam a graça da vida ao advogado e vereador Ismael Silva por acaso.

Carlos Amorim DRT 2081/PI

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima